.| Ensino Fundamental 2 |

Acreditamos que, ao entrar no segundo ciclo do Fundamental, que vai do 6° ao 9° ano, a criança deva
desenvolver habilidades de adaptação para que, no futuro, tudo corra bem em seus estudos.

.

 

 

A criança começa os anos finais do Ensino Fundamental com 11 anos de idade e termina com 14. Nossa principal incumbência para o Ensino Fundamental é a FORMAÇÃO INTEGRAL DOS ESTUDANTES. Por isso propomos atividades interativas, desafiadoras e criativas, que propiciem uma aprendizagem realmente significativa. Interagindo de forma coletiva e desenvolvendo o gosto pelo conhecimento nossos estudantes tornam-se competentes tanto intelectual como eticamente.

 


APRENDER, HOJE, É PESQUISAR, RESOLVER PROBLEMAS, PRODUZIR E COMUNICAR.



* 25 ESTUDANTES POR TURMA: O Rosa tem como proposta pedagógica a utilização de Metodologias Ativas, que colocam os estudantes como principais agentes de seu aprendizado. Para isso, o ideal é que sejam constantemente estimulados e que os professores também estejam disponíveis para lidar com perguntas mais complexas e elaboradas.

* SAÍDAS PEDAGÓGICAS: Atividades, visitas e trabalhos fora da escola são muito importantes porque abrem novas possibilidades de aprendizagem. As saídas pedagógicas acontecem ao longo do ano letivo com objetivos específicos propostos pelos professores. Os responsáveis recebem, antecipadamente, um comunicado informando sobre a saída, valores e a autorização para que o aluno participe.

* O PROCESSO DE RECUPERAÇÃO: É realizado continuamente mas, quando necessário, o estudante realizará uma nova avaliação escrita e/ou proposta avaliativa, cada professor agendará com os estudantes a data e a estratégia de recuperação que acontecerá no período de aula.

* TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO ALÉM DAS DISCIPLINAS REGULARES: Aulas de Informática Básica para os 6° anos e para os estudantes iniciantes nas séries seguintes (7º 8º e 9° anos). São atividades desenvolvidas em Laboratório de Informática, quando solicitadas pelos professores durante o horário normal de aula, para execução de seus trabalhos e fundamentada no uso do material digital.

* PROGRAMAÇÃO, AUTOMAÇÃO E ROBÓTICA: O Projeto, implementado no segundo semestre dos 8º e 9º anos, é um caminho para o uso crítico da tecnologia. Estimula a criatividade, o raciocínio lógico, a capacidade de planejamento, o trabalho em grupo e a capacidade de resolver problemas. Os encontros ocorrem quinzenalmente, durante o horário normal de aula.

* O POE – PROGRAMA DE ORIENTAÇÃO DE ESTUDO: É oferecido a todos os estudantes e tem como finalidade orientar o estudante para uma maior organização, auto planejamento e aprimoramento de práticas de estudo. Visa, principalmente, uma mudança de atitude, fundamental para a aprendizagem autônoma. Saiba mais sobre o POE clicando aqui.

* LIVROS DIDÁTICOS: A adoção da coleção de livros da Editora Somos Educação mostra-se mais apropriado que a adoção de apostilas, na medida em que orienta o trabalho do professor, permite o aprofundamento em cada tema, a adoção de atividades com foco no estudante e respeite o momento de aprendizagem deste, servindo de base para a criação de uma aula não “engessada”. Clique aqui para ter acesso ao material didático para o ensino fundamental 2


| A importância do Sistema de Avaliação |

Nossa escola compreende a IMPORTÂNCIA do sistema de avaliação como um processo e não uma “prova”. Por isso considera que o resultado deste processo não é só para o ESTUDANTE, mas é FORMATIVO. Possibilita uma nova tomada de decisão do professor e a melhoria na QUALIDADE de todo processo de aprendizagem.
Clique aqui e saiba mais sobre nosso processo avaliativo.

.


| PERFIL DE SAÍDA DO ESTUDANTE DO ENSINO FUNDAMENTAL II: |

Total domínio da LEITURA, da ESCRITA e do CÁLCULO, ferramentas essenciais para o desenvolvimento da capacidade de “APRENDER A APRENDER”.

Utilização de DIFERENTES FONTES DE INFORMAÇÃO e RECURSOS TECNOLÓGICOS para adquirir e construir mais conhecimento.

Compreender a vida como sendo a INTEGRAÇÃO DA ESCOLA com os sistemas POLÍTICO, SOCIAL, CULTURAL e ECONÔMICO.

Fortalecer os VÍNCULOS FAMILIARES, respeitando e difundindo as novas configurações dos lares brasileiros.

Atuar, de forma solidária e benéfica, em situações cotidianas, utilizando os conhecimentos adquiridos na CONSTRUÇÃO DE UMA SOCIEDADE DEMOCRÁTICA e igualmente solidária.

Aplicar o DIÁLOGO COMO FERRAMENTA capaz de esclarecer conflitos e tomar decisões coletivas.

Construir uma IMAGEM POSITIVA DE SÍ perante os outros, com base no RESPEITO PRÓPRIO e na CONFIANÇA em sua capacidade de escolher e realizar.

Entender e praticar noções básicas relacionadas à preservação do MEIO AMBIENTE e à ECONOMIA SUSTENTÁVEL.

Compreender que a condição de SAÚDE é produzida nas RELAÇÕES COM O MEIO FÍSICO, econômico e sociocultural.